terça-feira, 26 de julho de 2011

ACOMPANHAMENTO...

Dia 03 de janeiro de 2011.






Volto ao Hospital. Um cisto encontrado e uma semana de dor de cabeça, preocupações, mas sempre com a certeza de que nada seria, afinal, estou  além de viva, confiante Naquele que me guia todos os dias.
10h03minh ALÍVIO.  Resultado do exame. Um cisto de água, benigno entre o músculo e a prótese. Não chorei, pois tinha certeza de que nada seria, mas fui até a capela e de joelhos, agradeci a Mãe Santíssima... Em casa? Tudo dentro do “normal”, mas agradeço aos meus filhos, meu pai ,meus tios,a uma grande amiga, Profa, Maura,  que desde a manhãzinha, não deixaram de suplicar ao Pai que me levasse no colo, e me trouxesse com  minhas pernas,  com alegria estampada no olho “pintado” . Meus agradecimentos aos que rezaram por mim, e a Deus, pois nesse dia, por determinação minha, resolvi ir só: conversei só, dei-me conselhos, coragem e em alto e bom tom, conversei com meu eu, procurei ver a minha luz interior e supliquei para que não tivesse medo, que eu  encarasse tudo de frente e de cabeça erguida. Tenho  e preciso ser forte, guerreira e principalmente vencedora dos medos que a vida nos impõe. Essas..  são as provas pelas quais passamos muitas vezes!


Um comentário:

  1. Como te disse, celebre a vida, em sua plenitude!
    Clara

    ResponderExcluir